quarta-feira, 18 de março de 2015

Homem acusado de matar gerente dos correios ano passado é preso

Está preso na delegacia da policia civil de Maringá Genivaldo Pereira da Silva Júnior de 27 anos acusado de ter praticado homicídio no dia 16 de Setembro do ano passado no parque das Grevíleas. A vítima Devanir João Correia de 30 anos levou um tiro no peito e entrou em óbito dentro da ambulância do Siate. O motivo do crime seria porque Devanir dava em cima de sua funcionária que era esposa do acusado. Um telefonema do gerente para a funcionária teria sido a motivação final para o assassinato.
 O acusado disse que foi recebido a tiros e não teve a intenção de matar. ''Eu apenas queria acertar essa situação que estava me incomodando e muito, mas não queria de maneira alguma tirar a vida da vítima'' Relata o acusado.
  Genivaldo estava em Paranavaí na casa da família onde foi encontrado pela polícia civil. Há um mandado de prisão em aberto por conta desse crime de assassinato ocorrido no ano passado. Genivaldo ainda disse que a justiça será feita e espera que tudo será resolvido com a sua absolvição. 
  

Fonte: André Almenara 

2 comentários:

dani sousa disse...

Esse rapas tem todo direito de se defender ele jamais faria uma coisa dessa sem motivos ele e pai de familia tem quatro filhos o rapas que morreu nao e santo dava encima de farias mulheres procurou achou mas deus vai fazer o que e justo se tiver que paga pelo crime vai paga se nao vai sair de cabeça erguida deus sabe o que faz que a justiça divina o livrara

dani sousa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.